229: A Minha Cozinha

DICAS P’RÁ COZINHA

Em tempos recentes tive vários blogues dedicados à culinária, sendo um deles o Dicas p’rá Cozinha e onde dava umas dicas em várias áreas.

Dado o desinteresse demonstrado, a queda de visitas, o espaço e o trabalho desenvolvido, cheguei à conclusão que não valia a pena continuar.

Neste Blogue, vou dando umas receitas, umas dicas e hoje trago uma relacionada com a economia de energia que parece estar na moda não só pelos exorbitantes preços da energia – electricidade e gás -, como pela contracção delas.

Comecemos então pela economia no consumo de electricidade ou de gás, dependendo de como se cozinha em placa de indução ou em fogão a gás.

Actualmente, trabalho mais com placa de indução porque é mais económica dado que ao atingir a temperatura programada desliga e volta a ligar depois para atingir novamente a temperatura. No gás, a queima é constante.

Assim, hoje preparei um Esparguete com Juliana de Legumes muito saboroso e que nunca tinha experimentado, incluindo o teste de economia.

Primeiro, preparei a Juliana de Legumes, colocando um fio de azeite numa frigideira anti-aderente, uma colher de sopa de alho picado e deixei o alho amolecer.

Depois, introduzi a Juliana de Legumes (congelada), deixei amolecer, temperei com molho de soja e envolvi tudo muito bem até os legumes ficarem bem salteados. Retirei da placa e reservei.

Num tacho com água quente (saída directamente da misturadora do lava-louça), temperei com uma pitada de sal marinho, um fio de azeite e um cubo tempero para massas. Coloquei na placa, programando temperatura 3 (depende da marca e tipo de placas utilizadas).

E aqui começa a economia de energia. Deixei a água levantar fervura, inseri o esparguete, baixei a temperatura para 2 e deixei ferver durante apenas DOIS MINUTOS (geralmente a massa leva 7 a 9 minutos a cozer), mexendo de vez em quando.

Terminados os dois minutos, desliguei a placa, tapei o tacho e deixei a massa acabar de cozinhar durante DEZ MINUTOS, aproveitando o vapor gerado e a temperatura da água.

Este tempo depende do tipo de massa empregue, sendo que na massa de trigo duro, deverá aumentar o tempo para ±15 minutos.

Depois de escorrer a massa, juntei a Juliana de Legumes com o molho gerado na cozedura, envolvi muito bem e não é que ficou um esparguete bem cozido como se gastasse mais 7 minutos de energia? Ora vejam:

© Copyright omeublogue.eu # Powered by F Gomes # 2022 # All Rights Reserved

Este esparguete com Juliana de Legumes pode servir de guarnição para outros pratos. Hoje, serviu para acompanhar uma pernoca de Frango Assado.

© Copyright omeublogue.eu # Powered by F Gomes # 2022 # All Rights Reserved

08.09.2022